Com três motores, volante que parece manche de avião e aceleração insana, o Tesla Model S Plaid é um dos carros produzidos em série mais rápidos do planeta. Capaz de acelerar de zero a 96 km/h em apenas 1,99 segundo, o sedã 100% elétrico da empresa de Elon Musk tem um brasileiro entre seus primeiros compradores em todo o mundo.
Morador de Atlanta, no Estado norte-americano da Geórgia, Anderson Dick recebeu seu Tesla no último dia 24, após quase um ano de espera pelo carrão – o mais caro e potente da marca californiana, com preço sugerido de US$ 130 mil (cerca de R$ 671,5 mil na conversão direta) e 1.034 cv.
Curiosamente, Dick é um apaixonado pelo cheiro de gasolina e sua trajetória profissional está ligada de forma umbilical a motores a combustão. Fundador e CEO da FuelTech, fabricante de injeções programáveis, Anderson é figura conhecida entre amantes de corridas de arrancada. Além do Model S Plaid, o gaúcho tem na garagem carros como Chevrolet Corvette C8 e Ferrari F355 Spider – ambos modificados por ele, incluindo injeção da própria firma, que se tornaram uma espécie de vitrine do que a empresa é capaz.
“Na verdade, já tive outro Model S durante dois anos nos EUA. Carros elétricos vieram para ficar, é só questão de tempo para se tornarem maioria nas ruas. Como empresário, minha função também é entender as novas tecnologias no que se refere a performance, de olho no futuro. Nada melhor do que um produto que é referência na sua área, com espaço para a família”, analisa o pai de três meninos.

Fonte: www.uol.com.br

Leave a Reply